Como fica a corrida pelo Oscar após o Critics’ Choice

Otavio Almeida 14 de janeiro de 2019 0
Como fica a corrida pelo Oscar após o Critics’ Choice

Começo a acreditar em Roma para Melhor Filme no Oscar. Ainda com um pé atrás, mas com um sorriso no rosto. Se isso acontecer, será a primeira vez que veremos uma produção de língua não inglesa vencendo na categoria principal. Depois do Globo de Ouro (leia a análise aqui), os resultados do Critics’ Choice Awards no último domingo (veja aqui) deixaram a corrida pelo Oscar ainda mais clara.

Christian Bale (Vice) tomou a dianteira na briga com Rami Malek (Bohemian Rhapsody) pela estatueta de Melhor Ator, enquanto Glenn Close (A Esposa) ultrapassou Olivia Colman (A Favorita) na disputa de Melhor Atriz, com Lady Gaga (Nasce uma Estrela) ganhando um pouco de força. Entre os coadjuvantes, Mahershala Ali (Green Book) e Regina King (Se a Rua Beale Falasse) são favoritaços ao Oscar, embora ela não tenha sido indicada ao prêmio do sindicato dos atores que será entregue no dia 27 de janeiro.

O Critics’ Choice também mostrou que praticamente ninguém tira o segundo Oscar de Melhor Trilha Sonora de Justin Hurwitz, por O Primeiro Homem (ele ganhou antes por La La Land), o de Melhor Canção para Shallow, de Nasce uma Estrela, e o de Melhor Animação para Homem-Aranha no Aranhaverso.

Outro que não deve perder é Alfonso Cuarón em Melhor Direção, Melhor Fotografia e Melhor Filme Estrangeiro. Resta saber se confirma o ouro para Roma em Melhor Filme. Para ter mais certeza, vamos esperar pelo resultado do prêmio do Sindicato dos Produtores, que geralmente bate com o Oscar de Melhor Filme.

E como previsto, Green Book foi mesmo prejudicado pelas polêmicas da última semana ligadas ao roteirista Nick Vallelonga e o diretor Peter Farrelly (entenda aqui). Não que Farrelly tivesse alguma chance de superar Alfonso Cuarón em Melhor Direção, mas o roteiro de Green Book corria na frente, mas perdeu o Critics’ Choice para First Reformed, de Paul Schrader. Nada que tenha abalado o prestígio que Mahershala Ali tem na indústria, pois mesmo assim levou como Melhor Ator Coadjuvante e deve ganhar seu segundo Oscar na categoria, pouquíssimo tempo depois de Moonlight.

As indicações ao Oscar saem no dia 22 de janeiro e a Academia terminou a votação nesta segunda-feira.

Deixe seu comentário »