“Coringa” ganha o Leão de Ouro em Veneza

Otavio Almeida 7 de setembro de 2019 2
“Coringa” ganha o Leão de Ouro em Veneza

Quem diria, hein? Enquanto a Marvel Studios alcançou o posto de maior bilheteria de todos os tempos para Vingadores: Ultimato, a DC conquistou um inédito Leão de Ouro no Festival de Veneza para Coringa, de Todd Phillips. É a primeira vez que um filme do “gênero” consegue esse feito. Isso quer dizer que Coringa vem forte para o Oscar? Eu acho que sim. E principalmente Joaquin Phoenix, que ganha algumas casas nessa corrida pelo ouro na categoria de Melhor Ator. Ganhar Leão de Ouro não significa que o filme em questão leva vantagem no Oscar, mas quando se trata de uma produção norte-americana, as chances definitivamente aumentam.

Mas duas premiações renderam pano para manga: a escalação de An Officer and a Spy na mostra competitiva foi motivo de polêmica, afinal seu diretor, Roman Polanski, é foragido da justiça devido a acusações de abuso e assédio sexual em relação a uma menor de idade. E o que o festival fez? Premiou o filme de Polanski com o Grande Prêmio do Júri.

A outra discórdia ficou com o diretor Nate Parker, que viu seu American Skin, vencer com Melhor Filme na mostra secundária Sconfini. Em 2016, Parker foi julgado após acusação de estupro, o que derrubou as chances de seu O Nascimento de uma Nação no Oscar e outros prêmios importantes de Hollywood. Mas vamos falar a verdade: O Nascimento de uma Nação veio com muito hype para pouco filme.

Vale destacar ainda Babenco, Alguém tem que Ouvir o Coração e Dizer: Parou, dirigido pela atriz Bárbara Paz, que rendeu ao Brasil o prêmio de Melhor Documentário na mostra Clássicos. A produção relembra a carreira do cineasta Hector Babenco, marido de Bárbara desde 2010, até falecer em 2016.

2 Comentários »

  1. Paulo Ricardo 7 de setembro de 2019 às 11:24 PM -

    Fiquei feliz com a vitória de “Coringa” em Veneza,porque as adaptações de HQ merecem maior reconhecimento nos festivais de cinema.É um preconceito tão bobo que alguns críticos tem com filmes da DC ou da Marvel,ou qualquer material que é adaptado dos quadrinhos.Sobre Joaquin Phoenix eu sou fã do cara e não vejo a hora dele levar o Oscar.

  2. Kamila Azevedo 8 de setembro de 2019 às 12:00 PM -

    Após o triunfo em Veneza, “Coringa” vem com tudo para o Oscar 2020. Joaquin Phoenix toma a dianteira da disputa pelo Oscar de Melhor Ator.

Deixe seu comentário »